• Lucas C. L. Falcão

Você ainda compra "espumas acústicas" sem especificação?

Atualizado: 7 de Ago de 2019

As famosas "espumas acústicas" são espumas feitas de materiais absorventes com características acústicas previsíveis, ou seja, sua principal vantagem é que sabemos como esse material vai se comportar acusticamente antes mesmo de colocá-lo na sala.


As espumas absorventes são, de longe, o material mais usado em adequação de salas, estúdios e auditórios, mas será que realmente entendemos o que estamos comprando? Como já dissemos, a principal vantagem de se comprar uma espuma acústica é saber exatamente como ela vai se comportar quando adicionarmos esse material na sala que está sendo tratada. Afinal de contas, se não fosse essa vantagem, "qualquer" material poderia ser utilizado já que até uma simples cortina pode se comportar como um material absorvente, porém, de características desconhecidas.


O principal problema é que existe uma enorme variedade de "espumas acústicas" no mercado e boa parte desses materiais sequer possuem especificação técnica. Isso acontece porque a maior parte das pessoas que compram essas espumas dificilmente buscam consultorias e, na maior parte das vezes, são pessoas simples montando ambientes caseiros para gravações ou estudo com orçamento muitas vezes limitado. A boa notícia é que você não vai cair nesse golpe novamente. Vamos te ensinar quais são os parâmetros mais importantes de um material absorvente e o que eles significam!


Um material absorvente tem como principal função a de controlar o tempo de reverberação de um ambiente. Esses materiais, devido às suas características físicas, dissipam a energia das ondas sonoras que incidem neles e as transformam principalmente em calor. Mas cada material tem uma característica completamente diferente, seja por seu formato, materiais utilizados ou tamanho das cavidades.


O grau de absorção um material é determinado pelo seu coeficiente de absorção, representado pela letra alfa, cujo valor varia entre 0 e pouco mais de 1. Um material muito absorvente tem seu valor próximo de 1, enquanto que um material pouco absorvente tem seu valor próximo de 0. Cada material tem seu coeficiente de absorção tipicamente medido ao longo de 6 frequências específicas: 125 Hz, 250 Hz, 500 Hz, 1 kHz, 2 kHz e 4kHz. Não se assuste se você encontrar alguma especificação de um material absorvente com coeficientes de absorção baixos em 125 Hz e altos em 4 kHz, acontece que as baixas frequências são, de fato, as mais difíceis de controlar.


Além das espumas, também é possível utilizar outros tipos de materiais para controlar a reverberação de uma sala. Móveis, carpete, cadeiras e estantes de livros são objetos que frequentemente são utilizados por engenheiros e consultores na área de acústica para controlar reverberação e tornar o lugar mais agradável. Já percebeu que uma sala vazia tem uma reverberação muito maior que salas ocupadas? É exatamente pelo fato desses materiais também serem capazes de absorver as reflexões do som em um ambiente. E, assim como as espumas, todos eles possuem seus próprios coeficientes de absorção. Você pode encontrar abaixo uma tabela com alguns coeficientes de absorção conhecidos extraídos do livro dos autores Trevor Cox e Peter D'Antonio [1].


Coeficientes de absorção de alguns materiais tipicamente encontrados em salas [1]

Uma dica bem importante é que se o seu problema é com o isolamento acústico de uma sala, os materiais absorventes não são a solução mais adequada. Apesar do que algumas pessoas acreditam, revestir uma sala inteira com espumas absorventes apenas deixará o ambiente com uma reverberação baixíssima e, dificilmente, vai te trazer o isolamento desejado.


Agora você já sabe que materiais absorventes, dos mais variados formatos e tamanhos, sem especificação técnica são simples espumas com valor superestimado. Espumas estas que te dão garantia nenhuma que funcionarão da maneira desejada.


Comprar materiais absorventes, no entanto, não é uma tarefa tão simples quanto comparar coeficientes de absorção e preços. O mais importante antes de comprar qualquer material absorvente é realizar medições na sua sala. Sem saber quais são os parâmetros acústicos atuais da sala e quais são os parâmetros desejáveis você estará andando na mais completa escuridão. Por isso, para evitar gastos desnecessários com compras de materiais que podem não te dar um resultado satisfatório, realize medições ou converse com alguém que possa te ajudar ou fazê-las. Um bom projeto além de te trazer resultados, pode te trazer economia de tempo e dinheiro.


Espero que tenhamos conseguido passar um pouco mais sobre #áudio e #acústica para vocês e que continuem lendo nossos posts. Em breve voltaremos com mais fundamentos e curiosidades sobre acústica!


Tem uma dúvida? Deixa aqui o seu comentário que nós responderemos assim que pudermos.


Espero que tenhamos conseguido passar um pouco mais sobre áudio para vocês e que continuem lendo nossos posts.


Gostou do que leu? Então segue a gente no Instagram e no Facebook e fique por dentro de mais novidades e dicas sobre #áudio e #acústica. Não se esqueça também de se inscrever na nossa newsletter para não perder os próximos artigos. Se você quer ter acesso aos nossos materiais exclusivos e gratuitos para download, basta clicar aqui.


Referências:

[1] COX, Trevor; D’ANTONIO, Peter. Acoustic absorbers and diffusers: theory, design and application. Crc Press, 2016.

129 visualizações
 

©2018 by Concepcao Acústica

  • YouTube - círculo cinza
  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle